Ela é pura, com a sacanagem da palavra.

16 de novembro de 2013 - Cláudio Marques, sábado, Something

Aquela moça um dia seria minha, aquele ritmo, aquele movimento, aquelas curva, aquela vontade.

 

Duas vezes por semana. Terças e sabados, eu sento naquele balcão, peço uma bebida qualquer, sorrio falsamente para os outros frequentadores, sinto um certo desprezo por eles; assumo. Sou recém-separado, não tenho filhos. Tenho um amor. Ela se chama Tábata (ou pelo menos é assim que a conhecem por lá, sobe ao palco exatamente as 21h12 ao som de Madonna, passa por aquela passarela lambuzando a todos com sua libido, desperta tesão até de onde voce jamais imaginou.)

Eu tenho certeza que alguma coisa entre nós existe. Alguma magica. Quando trocamos olhares é algo fora do comum, transcedental. Toda minha energia canaliza-se por entre minhas pernas e toma forma. Ao mesmo tempo ela toma por completo aquela pista. Aquele cano. Sobe, desce, enrosca. Abre-e-fecha. Um despudor até para com as palavras.

Vislumbro daquele balcão o que somente meus olhos veem: uma menina, uma doce inocente santa. Meus olhos não erram. Meus olhos são calejados já. Posso jurar de pé junto que aquilo é apenas uma forma que ela encontrou de ajudar a toda a familia dignamente. Não consigo crer que ela faça aquilo com gosto, com prazer. Isso é inconcebivel!

(Não aceito ouvir gracejos, brincadeiras baixas, palavras sujas dos outros animais, vulgo clientes punheteiros.)

Eu defendo com unhas e dentes cada metro de perna daquela mulher. Cada vez que ela envia um beijo, uma piscada eu me apaixono de novo. 

E tenho a nitida sensacao de ser unico. De ser dela. E sei, ela é minha 

(ao menos as terças e sábados, quando eu tenho como ajudá-la a inteirar o valor do aluguel)

 

 

Claudio Marques

Posts Twitter Facebook

Entre uns e outros me encontrei. Escrevendo, rabiscando, rascunhando. Sem eira nem beira.

2 respostas para Ela é pura, com a sacanagem da palavra.

  1. Como são doces as ilusões. Adorei, Cláudio!

Deixe uma resposta

Text formatting is available via select HTML. <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*